24 de nov de 2006

Como diria o Didi "Os Pirata"

E o computador para todos hein, segundo uma pesquisa da associação brasileira das empresas de software(ABES) cerca de 73% dos compradores do computador para todos desinstalaram o Linux e o substituíram pelo Windows, e em muitos dos casos essa troca foi por uma versão pirata desse sistema.
Bem, porque isso aconteceu? Será que um Windows pirata é melhor que um Linux legalizado? Vou tentar expor aqui o que na minha opinião do que pode ter acontecido, mas essas opiniões são baseadas no que li sobre o projeto do computador para todos.
Um dos pontos que acho interessante ressaltar como um dos motivos para isso ter acontecido é, provavelmente o suporte não está a contento, apesar desses computadores virem com Linux me parece que não há um padrão de distribuição, eu por exemplo li que o computador vendido pela empresa X vinha com a distribuição Y e cada empresa usava uma distro diferente, na minha opinião, porque não pegaram o Ubuntu ou Debian-BR CDD e colocaram nessas maquinas como padrão de distribuição, já que essas são distribuições consolidadas e que facilitam a vida dos usuários, e as empresas que venderam, que tipo de suporte é prestado? Se o suporte prestado para Windows já é ruim, imagine como não deve ser para Linux.
Eu sinceramente considero o Linux infinitamente superior ao Windows, mas também concordo que; para quem não conhece nada ele é um pouco mais difícil de aprender, e ainda mais quando todo mundo usa um sistema diferente, é a mesma coisa que eu querer comprar um X-BOX 360 se todos os meus amigos só jogam Playstation2, nem vamos entrar na questão de quem é melhor, mas se você quiser um jogo emprestado por exemplo, onde vaio conseguir? Para sistema operacional é a mesma coisa, se precisar de ajuda! onde vai conseguir?, já que todo mundo usa o outro!
A solução para isso acredito que não é fácil, mas algumas coisas poderiam ter sido feitas como a padronização da distribuição a ser usada, ai a própria comunidade poderia ajudar mais efetivamente, e se escolhessem uma distribuição mais consolidada os problemas diminuiriam muito, pois acredito que são coisas básicas que a maioria das pessoas precisam como, planilha, processador de texto, browser de Internet, player de mp3, player de video, quer dizer são coisas fáceis de se fazer e de dar suporte.
Espero que essa pesquisa sirva para que medidas sejam tomadas afim de regularizar isso, pois como a coisa vai indo só estamos incentivando a pirataria.

2 comentários:

  1. Mas escolher uma distribução "padrão" também não fere o direito de escolha?

    ResponderExcluir
  2. eu não pense dessa forma, pois mesmo assim as pessoas que quiserem ainda poderiam trocar o objetivo de escolher uma distro padrão é dar um suporte que funcione para quem precisar dele, e quem não precisar pode mudar de distro a vontade.

    ResponderExcluir

Não perca a oportunidade de falar.